.posts recentes

. Left Behind (One-shot)

. Reborn from the ashes (Ph...

. "Nerissa Gaunt" - Chap 31

. "Nerissa Gaunt" - Chap 30

. "Nerissa Gaunt" - Chap 29

. "Nerissa Gaunt" - Chap 28

. "Nerissa Gaunt" - Chap 27

. "Nerissa Gaunt" - Chap 26

. Two out of Three Things.

. "Nerissa Gaunt" - Chap 25

. "Nerissa Gaunt" - Chap 24

. "Nerissa Gaunt" - Chap 23

. Not Fic, but Fun !

. "Nerissa Gaunt" - Chap 22

. "Nerissa Gaunt" - Chap 21

. "Nerissa Gaunt" - Chap 20

. "Nerissa Gaunt" - Chap 19

. PLIM ! (ou Puff?)

. "Nerissa Gaunt" - Chap 18

. "Nerissa Gaunt" - Chap 17

.Posts mais comentados

Sábado, 1 de Agosto de 2009

"Nerissa Gaunt" - Chap 25

 

Salazar's Inherance Trilogy 

Nerissa Gaunt
Capitulo Vigésimo Quinto
 
 

  

Nenhum estudante ou professor estanhou o facto de ver Severus Snape e Nerissa Gaunt entrarem abraçados no Grande Hall naquela manhã tempestuosa de Sexta-Feira. Somente um par de olhos cor de safira os olhava com desdém e extremo interesse. Esse par de olhos pertencia a Raphael Ravenwood.
 
Somente Nerissa reparou no fogo que ardia azul naqueles olhos, provocando-a, seduzindo-a, mas a rapariga de cabelos negros preferiu reagir da mesma forma que reagia sempre a Raphael: Apesar de ele a perturbar, e muito, ignorou-o. Rapahel continuava excluído do círculo dos Aprendizes, mas infelizmente algo dizia a Nerissa que essa situação seria brevemente alterada.
 
Severus encaminhou a jovem para duas cadeiras vazias, onde se sentaram lado a lado. O casal ainda não tinha começado a comer a sua primeira refeição do dia quando um grupo de seis estudantes se levantou dos seus lugares no fundo da grande mesa da equipa dos Slytherin e avançou na sua direcção. Eram os Aprendizes.
 
O grupo estava a ser liderado por Rodolphus Lestrange, um jovem que estava agora no sexto ano, bastante violento e agressivo, que gostava de comandar os restantes aprendizes, quando Nerissa lhe dava margem para isso. A seu lado vinha Bellatrix Black, sua recente namorada, que trazia um sorriso rasgado nos lábios e um olhar esgazeado, enquanto abraçava o braço direito do jovem. Trazia tal vaidade nos seus gestos, como se se tornasse a pessoa mais feliz do mundo só por estar à direita de Rodolphus.
 
Dos lados direito e esquerdo do casal vinham Narcisa e Regulus Black. O rapaz do segundo ano parecia desconfortável e assustado, mas essa era sempre a expressão que trazia no seu rosto quando representava o seu papel de Aprendiz. Por seu lado, a jovem do sexto ano, vinha com os seus olhos frios fixos num ponto abstracto. Desde que começara aquele ano lectivo, o primeiro de Narcisa sem a companhia de Lucius Malfoy, que já havia completado a escolaridade em Hogwarts, a jovem parecia distante e desinteressada de tudo.
 
Atrás deles arrastava-se o sonolento e preguiçoso Matheus Mulciber, também do sexto ano, e Andromeda Black do sétimo, que parecia neste momento tão ou mais desconfortável ainda que o seu pequeno primo Regulus.
 
Aqueles eram os Aprendizes que tinham permanecido em Hogwarts desde o ano anterior. Ainda nenhum outro se lhes tinha juntado, precisamente por ausência de indicações do seu mestre, Voldemort. Várias cabeças no Grande Hall se viraram para seguir aquele grupo que já começava a ser receado pela maior parte dos estudantes.
 
Nerissa nem precisou de lhes perguntar o que queriam, quando os seis Aprendizes a rodearam a ela e a Severus, sentando-se de cada um dos lados e à frente do jovem casal.
 
As sobrancelhas de Severus serram-se quando este fitou Rodolphus, mas o jovem de sexto ano nem lhe prestou atenção, sentando-se lado a lado com Nerissa, e falando-lhe numa voz grave e áspera, “Nerissa, precisamos de falar contigo.”
 
“O que foi, Rodolphus?” Perguntou-lhe a jovem, não parando de barrar a sua torrada com um pouco de geleia de amora. Estava determinada a não prestar demasiada atenção àquela conversa.
 
“Estamos a ficar impacientes…” Continuou Rodolphus, perfurando Nerissa com o seu olhar duro. Apesar de a sua voz permanecer calma e pausada, a sua expressão corporal transpirava agressividade. “Porque é que o Senhor das Trevas está a demorar tanto tempo a comunicar connosco?”
 
“Essa é uma pergunta para a qual não tenho resposta, Rodolphus.” Respondeu Nerissa depois de mastigar e engolir um pouco da sua torrada. A seu lado, Severus tremia com vontade de agredir Rodolphus, mas a jovem colocou disfarçadamente a mão sobre a sua perna, acalmando-o, “Calculo que o Senhor das Trevas esteja incomunicável.”
 
“Mas nós queremos ordens dele!” Disparou a voz esganiçada Bellatrix, que se havia sentado do outro lado de Rodolphus, como sempre dominada por uma impaciência e impertinência extremas, “Nós queremos missões, treinos, ensinamentos, qualquer coisa! Porque é que ele não nos diz nada?”
 
Um sorriso maldoso surgiu nos lábios de Nerissa, quando ela respondeu à colega, “O Senhor das Trevas está demasiado ocupado para atender às necessidades de uma miúda mimada, Bellatrix.”
 
“Tu… Tu!” Arfou baixinho a outra, ganhando subitamente uma tonalidade roxa, fervendo de raiva. Se se tratasse de um estudante qualquer, Bellatrix certamente que a havia amaldiçoado, mas sendo Nerissa, a Mestre dos Aprendizes, protegida de Voldemort, a jovem nem se atrevia a insultá-la propriamente. Limitou-se a gaguejar baixinho uma tentativa de ameaça, “Nerissa, tu um dia vais-te arrepender de…”
 
A jovem tresloucada nem teve tempo de terminar a ameaça, porque nesse momento centenas de corujas invadiram o topo do Grande Hall. Cada uma trazia consigo uma carta, ou um pequeno pacote de uma encomenda. Vinham distribuir o correio aos alunos de Hogwarts. Umas pousavam diante dos seus donos, pedindo carícias como recompensa, outras limitavam-se a deixar o que traziam diante dos estudantes.
 
Antes sequer de detectar o enorme corvo negro, mensageiro de Voldemort, voando por entre o mar de corujas, Nerissa soube que o silêncio daquele que mais temia estava prestes a terminar.
 
Depois de duas hábeis e silenciosas piruetas, o corvo pousou mesmo diante do prato onde a jovem havia deixado o resto da sua torrada. Os pequenos berlindes negros que eram os olhos da ave fixaram-se em Nerissa desde o primeiro momento. Por uns segundos, durante os quais os seis Aprendizes e Severus sustiveram a respiração, a jovem de cabelos negros não se moveu. Olhando assustada para a pequena carta presa à pata direita da ave, não queria aceitar que o breve período de paz, sem ordens de Voldemort, tivesse terminado.
 
O corvo amaldiçoado pelo feiticeiro negro para levar correspondência a Nerissa, havia sido instruído para não deixar a jovem enquanto esta não lesse as cartas que lhe enviava… por isso qualquer ideia que tenha passado pela sua cabeça de ignorar a ave era escusada.
 
“De quem é a carta?” Perguntou baixinho e a medo a voz do pequeno Regulus Black, quebrando o silêncio do grupo.
 
“Não tem remetente.” Respondeu a fria voz de Narcisa.
 
Instantaneamente, Bellatrix quase saltou do seu lugar, guinchando histericamente, “Acham que pode ser uma carda do…?”
 
“SILÊNCIO!” Bramou a voz grave de Nerissa, fazendo com que Bellatrix se voltasse a sentar mal-humorada ao lado de Rodolphus, e todo o restante grupo estremecesse.
 
A seu lado, foi a vez de Severus colocar discretamente a sua mão no colo de Nerissa, transmitindo-lhe calma e ao mesmo tempo força.
 
Já mais calma, e medindo cada gesto que fazia, Nerissa alcançou a pata direita do enorme corvo e retirou de lá o envelope de pergaminho. Depois de o ter aberto, não demorou nem dois segundos a reconhecer a magra caligrafia de Voldemort, escrita a tinta negra.
 
* * *
Continua...
Vão ter de esperar um pouco para saber o que é que estava escrito na carta... E sim, eu sei que sou cruel xD Tomem lá uma boa dose de suspense ^^ E fiquem sabendo que é aqui que as coisas se vão complicar... Já sabem que preciso de opiniões xD
 
Loads of Kisses to All of You!
 
sinto-me: Pior era impossivel.
música: Amália Hoje - A Gaivota +.+

publicado por Dreamer às 21:30

link do post | comentar | favorito

8 comentários:
De Eloise a 1 de Agosto de 2009 às 22:24
AHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH QUERO SABER O QUE VAI ACONTECER E O QUE ESTÁ ESCRITO NA CARTA! que crueldade, Dreamer!
espero ansiosamente pelo próximo magnífico capítulo! :)
e anima-te aí, não gosto nada de ver esse 'sinto-me: pior era impossivel' aí!
beijinhos.


De Maria a 2 de Agosto de 2009 às 13:12
Hallo sweety! ^^
OH God...estou tão curiosa por saber o que Voldemort escreveu na carta!
Isto está lindo! Mesmo! :D
A Bellatrix inerva-me, é tão irritante!

Quero mais, sim querida?
Beijocas grandes, dear!
:D


De Sássára a 2 de Agosto de 2009 às 14:22
A Nerissa é uma rapariga tão, mas tão forte que é a minha ídola o.o O que estaria escrito na carta? Será que ele vai voltar? :o

Adoro-te <3


De Miss Blody a 2 de Agosto de 2009 às 20:52
Vi este blog na lista de blogs preferidos da minha melhor amiga, e vi que era uma história de uma fã do Harry Potter. E eu sou uma grande fã do Harry Potter e de Hogwarts, por isso andei a ler a tua fanfiction. Acho que é assim que se escreve a palavra.

Adorei tudo o que escreveste.

Tens muito jeito, mas não deve ser preciso dizer-te, pois isso vê-se em cada linha que escreves.

Estou ansiosa para ler o final.

Bjus sangrentos.


De Magda* a 2 de Agosto de 2009 às 23:37

Dreamer, Dreamer, Dreamer... Este capítulo está um espanto rapariga... :D

Aquela Bellatrix é tão impertinente! Que tipa irritante... Rrrrrr...
Cada vez mais admiro a Narissa!!

Quero saber o que se vai passar? O que é que o Voldemort escreveu na carta? Ele vai voltar? :O

Beijinho*


De Prongs a 3 de Agosto de 2009 às 23:36
Estás a ser cruel Dreamer!! Eu quero saber o qu'é que o tio Voldie diz da Albânia xD
Man a Bellatrix é irritante -.-
Está óptimo com sempre, o capítulo :)

beijinhos


De KellysPimenta a 16 de Agosto de 2009 às 19:13
ohhhhhhhhhh

deixas te me curiosa

muito curiosa

so por causa disso vou ler mais um capitulo

beijinhos


De K'm a 31 de Agosto de 2009 às 12:45
Mais um momento de suspence :P
qque e que sera que a carta diz?...

Vou mas é ja ler o proximo capitulo ^^

Jinhozz


Comentar post

Dreamer @ 23-02-2009
Photobucket

.Dreamer

.links

.Maio 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

23
24
25
26
28

29
30
31


.tags

. todas as tags

.arquivos

. Maio 2011

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

.subscrever feeds